segunda-feira, 3 de setembro de 2007

(Sem título)

Um dia, prometi à alguém que escreveria uma música para esse mesmo alguém, uma música de que essa pessoa pudesse se orgulhar e dizer que havia sido escrita para ela; uma música para ser usada como pano de fundo em um momento especial. Eu sempre mantive minhas promessas, portanto, aqui está:

---

Bide the time an offer to turn back the years that come undone
Ask the mask to undress she who brings to earth the star I've wished upon
(The star I've wished upon)
Days became so numb, as in a coma acquired in the long run
Trying to hide the absence, though I know we'll always bring the past along
(Bring the past along)

I miss you
I wish you were here
Still near me
But I've long left

Wield a mild serenity to cross the dimness from my face
Stand against the aging, as we speak, another ghost attends my wake
(Attends my wake)
Say a name in silence to reveal the engran's long lost trace
This so sweet deception, such a tragedy we'll never drive away
(Never drive away)

I miss you
I wish you were here
Still near me
But I've long left your eyes

Long left your eyes...
Long left your eyes...
Long left your eyes...
Long left...

---

Se você um dia ler isso, saiba que quando ela estiver gravada, a enviarei para você. Provavelmente, ela levará seu nome como título, se não houver problema de sua parte. Espero que goste quando finalmente ouvi-la. Espero sinceramente. E se quiser conversar sobre após tê-la ouvido, estarei sempre de braços abertos para você.

- Ao som de: meu amplificador ecoando os acordes dessa música aí em cima -

Um comentário:

Garr Moreno disse...

raiai...
Tudo o q vai,volta né?uhahua

As vezes nas horas certas.
(maybe...four...five years??hehe)
o/